Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Crónicas de uma secretária

Nada como ouvir e até quem sabe participar das conversas da treta que ouço diariamente.

Crónicas de uma secretária

Nada como ouvir e até quem sabe participar das conversas da treta que ouço diariamente.

Qua | 17.10.18

Dia menos bom

Quem nunca teve daqueles dias de fugir?

Eu tenho disso. Infelizmente com alguma regularidade.

Aquela máxima "respira fundo", não funciona comigo. Eu até que tento respirar fundo, as tantas já estou a parecer uma asmática, mas acalmar? nada disso.

O meu horário de trabalho não é o mais convencional, no entanto, está afixado.

Estou sempre antes da hora e normalmente também depois, mas se por acaso tenho a sorte (ou azar) de fechar a horas... pronto... estraguei tudo.

Depois de uma mini-facial, (oferecida) e de um bom almoço, lá venho eu toda bem disposta para mais uma tarde de gravidas e afins.

Levo logo com uma cliente armada em idiota, sim porque não tem outro nome;

- "Você fechou a porta as 11.30".

Eu tenho a facilidade de fazer ar de enjoada, portanto hoje dei o meu melhor.

Olhei para a criatura e respondi" sim fechei. É o meu horário".

Estou tentada a trazer a marmita e comer no balcão.

Tudo para agradar o cliente...

 

 

Ter | 16.10.18

...

Dezanove anos de trabalho com o público e ainda contínuo a ser surpreendida.

Tenho por hábito fazer a confimação das consultas nas vésperas. Até aqui tudo normal. Aliás, a maioria das vezes evita haver falhas de agenda, (isso quando o cliente é honesto).

Mas ouvir falta de educação porque ligo a confirmar... é nova.

"Mas você está ligar porquê?? eu sei que tenho consulta. deu-me um papel com a marcação não deu? Eu não me esqueço"

Agora, imaginem ouvir esta frase no telefone aos berros...

A sorte é que hoje estou em modo Zen. Portanto... podem berrar á vontade que não me estragam a tarde.

Sex | 12.10.18

...

Hoje estou como quero, patrão fora....

Podia estar na esplanada? podia... Mas era mais complicado não dar nas vistas;)

Mas há lá coisa melhor do que não fazer nenhum? Haver até há... mas como tenho que orientar um pikeno que não sabe onde andam as condutas do ar condicionado, estou por aqui a ver o sol da janela....e a espera das 17h para começar a minha tarde de trabalho. 

Até lá... o netflix tem séries fantásticas pra serem vistas  

Qua | 10.10.18

O dia corre...

 

 

Uma cliente super mal disposta, com o rei na barriga que decidiu que eu seria um bom alvo para incomodar, uma tarde cheia de senhoras para serem atendidas, vamos a meio da tarde e ainda só entrou a primeira... (hoje dumo aqui),  e o mais estranho é que alguém deve estar encantado com a minha voz.

o telefone não pára de tocar sempre em anónimo. Só ouço musica... péssimo gosto...

Não gosto de Funk

Qua | 03.10.18

...

Para quem estiver com dificuldades a escolher nomes para os seus pimpolhos, posso sempre sugerir nomes que ja passaram por aqui hoje,( e ainda é cedo....)

CERTÓNIO

SIDÓNIO.

Pergunto-me... será que escolher nomes aos filhos é assim tão irrelevante???

 

Qua | 03.10.18

...

Como este blog não pode sobreviver só com histórias do consultório, hoje vou brindar os meus leitores (sei que são poucos, mas bons;) ) com uma historia de gabinete de estética, com a autorização da proprietária (Ana Moura).

Este mês, estou a trabalhar a meio gás, por motivos de saúde de um médico, portanto até tenho tempo de sair mais cedo e laurear a pevide. 

Devo dizer, que ir ao gabinete desta menina que é uma simpatia, também é uma forma de descontrair e saber as novidades das suas clientes.

Ao que parece, agora tem senhoras que querem pagar os serviços dela com cheques de refeição....

Ao que chegamos... A sério?? Pagar manicures e cremes com cheques de refeição?

Obvio que a Ana Moura, não aceitou, porque a cliente ainda "não come cremes"... (bem respondido)

A cliente ficou indignada....  ora essa... não aceitar??? Onde já se viu isso... 

 

 

Seg | 01.10.18

...

Comecei o meu dia as 6.30 da manha e já estou a ferver.

Mas o que se passa com esta gente? 

Custa muito ser simpático? 

Porque será que as pessoas vêm fazer exames e não trazem os documentos?

Peço com a maior calma que me é possível , os documentos e levo com respostas do género" já sou cliente, para que quer o cartão? está tudo aí".

Ora bem, é claro que está, mas as normas internas exigem que o peça.

Pergunto-me; porquê dificultar o trabalho de quem está atrás de um balcão?

Juro que tento manter a calma e o sorriso, mas não dá.

A nicotina faz me falta....