Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas de uma secretária

Crónicas de uma secretária

Seg | 06.02.17

Vestida a rigor

Quem me conhece, sabe que dormir é daquelas coisas que eu realmente aprecio.

Eu, que só tenho o mísero domingo para descansar,tive que me levantar cedo, para ir á lavandaria.

Eu e uma boa parte da cidade, com esta chuva todos aproveitaram.

Portanto, levantei cedo, que remédio e lá vou eu. A sorte é que fica bem pertinho de casa.

Como já me basta as horas que tenho que falar com pessoas, pus os auscutadores e desliguei do mundo.

Até aqui tudo normal.

Estou eu, no meu canto muito quieta a tentar passar despercebida, quando passa por mim uma senhora que fedia...

É verdade, nem o cheiro a detergente conseguia disfarçar aquilo.

Eu pensei; " a esta hora da manha e já cheira assim??"

A dita senhora, andava pela lavandaria a passear uma criança.

Se não fosse o aroma nem reparava, mas depois de me ter intupido as minhas narinas com aquilo, dediquei um pouco do meu tempo a observar.

Meus senhores, aquilo foi digno de se ver.

A senhora foi para a lavandaria com os dois filhos, o mais velho todo ranhoso e melhor, ela foi de pijama e com chinelinhos a condizer.

Preciso de comprar uma maquina se secar roupa.

8 comentários

Comentar post